1 de abr de 2009

O Uso da calculadora - Proposta de atividades e Jogos

Antes de usar a calculadora em sala de aula,
apresentei aos pais meus objetivos e realizei algumas atividades com eles.

Assim todos concordamos que a calculadora não iria substituir o raciocínio,
mas libertá-lo para novas descobertas.


O ideal é cada aluno ter sua calculadora,
mas caso não seja possível podem usá-la em grupos.


Podemos usar para conferir as operações, para realizar os cálculos de um problema ou um simples ditado:
Experimente fazer um ditado de números, por exemplo: cento e um, mil e noventa...
e ao invés de escrever no caderno o aluno deve digitar na calculadora,
deixe que confiram entre si e depois vejam quem acertou.
É muito interessante a reação dos alunos!


Pesquisando atividades na Net,
encontrei estas sugestões elencadas por Ieda Maria Giongo da
UNIVATES
e
xtraídas do livro Aritmética nos Anos Iniciais de Renita Klüsener e do site http://educacaopublica.rj.gov.br

1- Coloque a calculadora em cima de sua mesa.

a) Quantas teclas existem ?
b) Localize nas teclas:
  • Os algarismos de 0 a 9
  • Os sinais das operações: +, -, x, :
  • Qual a tecla que liga a máquina?
  • Qual a tecla que apaga o que está no visor?
  • Qual a tecla que desliga a máquina?

2-Calcule 26 + 26 + 26 + 26 + 26

  • Como você poderia facilitar esse cálculo?
  • Procurando apertar o menor número possível de teclas, qual delas você digitaria?

3-Acione a seqüência de teclas indicadas e observe o que ocorre:

a) 2 x 3 = = = =

b) 3 x 2 = = = =

c)1: 10 = = = =

4- Procure encontrar a seqüência que aciona o menor número de teclas

para aparecer no visor da calculadora as seguintes seqüências:

a) (2; 1,8; 1,6; 1,4; ...........)

b) (1,25; 1,48; 1,71; ...........)

c) (2; 0,2; 0,002; 0,0002; ........)


5) Em uma calculadora, registrou-se o número 2458.

O que devemos fazer para encontrar nessa calculadora o número 2738, sem apagar o número 2458?

Realize o menor número de manipulações possível.

Escreva todos os passos seguidos.


6) Encontre uma maneira de registrar o número 54 no visor da calculadora sem apertar as teclas 5 e 4.

a) Escreva os passos que você utilizou para resolver a questão.

b) Agora encontre uma maneira de registrar o número 167 sem apertar as teclas 1, 6 e 7.

Escreva os passos que você utilizou para resolver o problema.


7) Eduardo gostaria de resolver a seguinte multiplicação: 25 x 59, porém, quando pegou a calculadora viu que a tecla do número 5 estava quebrada.

Como Eduardo pode utilizar a calculadora para realizar esse cálculo?


8) Quero multiplicar 543 por 28, no entanto, a tecla de multiplicação está quebrada.

Como posso proceder?

9) Brincando com o teclado

987 - 789 = 654 - 456 = 321 - 123 =

741 - 147 = 852 - 258 = 963 - 369 =

951 - 159 = 753 - 357 =

O que você observou nos resultados?


10) Observe a operação abaixo,

4 x 4 = - - - - 5 x 3 =

acrescente ao primeiro fator uma unidade, ao segundo diminua uma e observe:

o que está acontecendo com os resultados?


11) Encontre o 20 como resultado de uma seqüência de operações e números utilizando apenas 5 teclas.

Como por exemplo: 12 + 8 =


12) Utilizando as teclas + e - faça alguns cálculos, obtendo como resultado o número 40.

Depois, utilizando as teclas +, -, x, :, também apresente alguns cálculos cujo resultado seja 40.


13) Quanto devo pagar por um produto de R$ 40,00 que está em oferta com 25% de desconto?

Faça esse cálculo sem utilizar a tecla %.


14) Efetue e observe as seguintes multiplicações

(use a calculadora quando considerar necessário):

6 x 2 =

66 x 2 =

666 x 2 =

6 666 x 2 =

66 666 x 2 =

a) Agora, sem usar a calculadora, escreva o resultado de 66 666 666 x 2 =

b) Qual é a regra dessas multiplicações?

c) Crie um problema semelhante a este multiplicando por 3.


15) Agora, calcule os resultados das seguintes expressões e confira-os na calculadora:

8 x 8 + 13 =

88 x 8 +13 =

888 x 8 +13 =

8 888 x 8 + 13 =


16) Um estudante, ao efetuar a operação 10 x 4 – 20 : 5 + 30 x 2 =, encontrou como resultado 68.

Explique qual o caminho seguido e procure justificar esse procedimento.

O resultado encontrado está correto?



JOGOS

1)Por quantos caminhos diferentes se pode chegar ao 10?

Sem repetir, usar qualquer uma das 10 teclas da calculadora, qualquer uma das quatro operações e a tecla de igual.

2) Resultado somente 100

Sem repetir, usar qualquer uma das 10 teclas da calculadora, qualquer uma das quatro operações e a tecla de igual e conseguir como resultado somente 100.


3)Quatro saltos até o zero

Digitar um número com 4 dígitos. A proposta é reduzir o número escolhido a zero em somente quatro etapas utilizando apenas números com dois dígitos. Você pode usar todas as quatro operações, mas uma de cada vez. Registre todos os seus passos.


4) Quem atinge primeiro 90?

Digite na calculadora um número entre 100 e 200 e divida até chegar próximo ou no 90.


5) Quem é mais rápido?
Este jogo deve ser uma disputa entre dois grupos com o mesmo número de participantes em cada grupo.

Regras a serem seguidas:

  • No jogo há duas listas de cálculos e haverá um limite de tempo para a realização dos cálculos de cada lista.
  • Apenas um dos grupos ficará com as calculadoras.
  • Um dos grupos só poderá efetuar os cálculos com a calculadora, enquanto o outro deverá efetuar todos os cálculos sem a calculadora
  • Cada aluno trabalhará individualmente, após receber uma lista de cálculos.
  • A correção deverá ser feita pelos alunos, ao término do tempo determinado para a execução de cada lista.
  • Os dois grupos deverão resolver as duas listas de cálculos.
  • Cada grupo ganha um ponto sempre que um aluno encontra o resultado correto de uma conta, dentro do limite de tempo estipulado.
  • Ganhará o jogo o grupo que, ao final, tiver maior número de pontos.
  • Em caso de empate, os grupos deverão criar um critério para o desempate.

1ª LISTA

      a) 1 +1 +1 +1 +1+ 1 = f) 5376 – 0 =
      b) 30 : 5 = g) 200 + 30 + 2 =
      c) 3 x 7 = h) 173 x 1 =
      d) 2 + 2 + 2 + 2 = i) 5879 x 0 =
      e) 537 – 537 = j) 10 654 + 0 =

2ª LISTA

      a) 136 + 357 = f) 1 000 – 673 =
      b) 38 x 7 = g) 144 : 6 =
      c) 1 004 – 678 = h) 3 431 x 2 =
      d) 1 083 + 25 + 132 = i) 1 212 x 5 =
      e) 1 190 – 975 = j) 392 : 7 =


6) Preciso ou não preciso usar a calculadora?
Material: Cartelas (tabela 1, tabela 2, tabela 3 e tabela 4);
calculadora, lápis e papel.
Número de jogadores: grupos de 4 componentes, arrumados em duplas.

Instruções:

a. Cada dupla inicia o jogo com 10 pontos.

b. Na vez de a dupla jogar, os componentes podem utilizar a calculadora. Mas, atenção! Ela só poderá ser usada, no máximo, 3 vezes em cada cartela.

c. Se ela for utilizada mais de 3 vezes, a dupla perde 1 ponto em cada vez excedente. No entanto, se ela for utilizada apenas 1 vez a dupla ganha 2 pontos; se ela for utilizada 2 vezes, a dupla ganha 1 ponto.

d. Tire par ou ímpar para decidir que dupla começará o jogo. A dupla vencedora começa a resolver a tabela 1. Enquanto isso, a outra dupla confere se as contas realizadas estão corretas.

e. A dupla que está resolvendo a tabela perderá 1 ponto para cada resposta errada.

f. Ao final do tempo, computam-se os pontos das duplas que trabalharam. Em uma tabela deverão ser registrados os pontos ganhos e os pontos perdidos.

g. Agora é a vez da outra dupla. Ela deverá resolver a cartela do jogo 2. Enquanto isso acontece, a primeira dupla confere os resultados.

Ao final do tempo, repete-se a 6ª etapa.

Utilizar os mesmos procedimentos para a realização das 3ª e 4ª tabelas.
Ao final do jogo, cada dupla terá resolvido duas tabelas.
Depois é só fazer o levantamento dos pontos e ver quem ganhou.



Tabela 1 Tabela 2

M = 182 e N = 420

1) 1 + 1 + 1 + 1 + 1 + 1 = 1) M + N =
2) 0 : 124 = 2) ( 200 + 143 ) + N =
3) 53 x 100 = 3) ( 970 + 2 ) + M =
4) 21 127 x 1 = 4) N + M =
5) 4 750 : 25 = 5) ( 5 400 + 43 ) +
( 800 + 32 ) =
6) 2 311 x 0 = 6) M + 0 =
Tabela 3

A = 180 e B = 20

Tabela 4

A = 130, B = 25 e C = 50

1) A + B = 1) A – B =
2) A x B = 2) C + B =
3) B x A = 3) A – C =
4) A – B = 4) A - ( B + C ) =
5) 100 x A = 5) ( C – B ) + A =
6) A x 800 + A = 6) ( C – B ) + ( A – C ) =

7) Vamos às compras?
Dispomos de R$20,00 para fazer umas compras, mas não podemos gastar todo o dinheiro. Precisamos ficar com pelo menos R$5,00.
Procedimentos a serem seguidos:

a. Formar grupos de 5 participantes, no máximo. Cada grupo receberá um fôlder de mercado, farmácia para realizar sua compra. Um dos participantes do grupo fará o registro dos gastos e saldos após cada compra; o outro fiscalizará e os demais utilizarão a calculadora, que passará de mão em mão, para controle dos gastos.

b. O professor deverá marcar um tempo para as compras (de 5 a 10 minutos).

c. Terminado o tempo, cada grupo dirá com quanto ficou. Ganha o grupo que ficar com quantia mais próxima de R$ 5,00.


8) Siga as instruções do quadro, fazendo os cálculos mentalmente, tentando descobrir o que apareceria se você estivesse usando a calculadora.

O que devo fazer para colocar o número 19 861 na calculadora O que digitar

19 861

Aparecerá no visor

19 861

Retirar uma unidade de milhar

Adicionar 4 dezenas

Subtrair 41 unidades

Torná-lo 100 vezes menor

Transformá-lo na dezena mais próxima

Acrescentar um número e não alterá-lo

Multiplicar por um número e reduzi-lo à metade



9) Formando palavras com a calculadora

(Sugestão da Professora Marli Quartieri – UNIVATES)

Efetuar as operações e descobrir as palavras que respondem os enigmas:

a) Ela é Deusa Egípcia: 101 x 51=

b) Os terráquios só têm um: 235 x 3=

c) Está entre o cinco e o sete: 79 x 65=

d) É amarga como fel: 286 x 13=

e) Assim são os pêlos da girafa: 1871 x 27=

f) Toma-se um por vez: 527 x 7 + 20=

Inventar outros cálculos escrevendo palavras.

10 comentários:

  1. Acredito ser necessário o uso da calculadora no Ensino Fundamental, e com essas dicas este uso torna-se muito mais interessante!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Poxa, eu precisava de algumas respostas das atividades... :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos colocar as respostas então.

      Excluir
  3. As atividades são espetaculares! Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas



    1. Gostei muito das atividades, mas achei um pouco cansativas. Parabéns pela iniciativa.
      O aluno que praticar com a calculadora conseguirá ser mais ágil, mas ainda assim precisam aprender a calcular manualmente porque todos os concursos e provas serão realizados sem a calculadora.

      Excluir
    2. Quando vamos aplicar estas ideias na classe, podemos escolher as que mais se adaptam à turma, inclusive fazendo algumas variações. Também poderia utilizar as sugestões em ginacanas matemáticas.

      Excluir
    3. achei interessante, as atividades, concordo com a Ada são cansativas.
      A calculadora ajuda a ter um raciocínio mais rápido (ágil) , mas manualmente é muito importante, não é sempre que podemos utilizar a calculadora.

      Excluir
    4. Gostei da atividades com calculadoras, elas trabalham com o nosso raciocínio lógico, , concordo com a Ada, quando diz que as atividades são cansativas, e que o aluno precisa aprender a calcular manualmente, nos concursos e provas as calculadoras não são utilizadas.

      Excluir
    5. Concordo com vocês. As propostas apresentadas aqui fazem parte de um aprendizado. Não substituem o cálculo manual. A intenção é brincar com a calculadora unindo o útil ao agradável. Tenho certeza de que o professor usa a tecnologia com sabedoria.

      Excluir
  4. Concordo com o que todos disseram creio que em alguns momentos torna-se cansativo. Mas, pensando no lúdico, no jogo e na diversão tornar-se mais divertido o uso da calculadora.

    ResponderExcluir